CAREER COLLEGE PODE SER O PRIMEIRO PASSO PARA A RESIDÊNCIA PERMANENTE NO CANADÁ

Os programas de estudo podem ser a porta de entrada para a residência permanente no Canadá e para isso, um dos caminhos usados pode ser o career college (college privado). Opção que costuma ser deixada de lado, pois (fora do Quebec) esse tipo de instituição não dá direito ao PGWP (Post Graduate Work Permit). Mas, pode ser o primeiro passo para a tão desejada Residência Permanente e dependendo da província e do perfil do estudante, tornando-se um caminho mais rápido.

Essa foi a estratégia usada por Rafael Brasileiro e sua esposa, Danielly, que se mudaram para o Canadá em busca de qualidade de vida, novas oportunidades e o sonho de ter filhos em um país mais justo. Inicialmente, o planejamento deles era que Rafael, que é jornalista, fosse estudante de college público enquanto Danielly aplicaria para o work permit já que pela profissão dela, teria mais chances de encontrar emprego na mesma área. Danielly é formada em Ciência da Computação e, no Brasil, já trabalhou em empresas voltadas para o setor financeiro e médico. “Nós pensamos em aplicar pelo Express Entry em um primeiro momento e depois vimos o caminho do College Público como o ideal. Após alguns meses de preparação para o IELTS, nós vimos que poderia demorar mais do que esperávamos e conhecemos a opção do College Privado. Vimos que valia a pena. Nossa única dúvida era sobre o visto de trabalho para o cônjuge”, conta Rafael, que estudante Sales and Marketing na ILAC International College, em Toronto. 

A dúvida a qual ele se refere é porque, na regra da imigração, o cônjuge que acompanha o estudante de college privado não receberia o work permit. Mas, a maioria dos estudantes tem aplicado e recebido respostas positivas. Sendo assim, é uma ótima estratégia por ser uma opção mais barata e rápida. Lembrando que é importante ter um Plano B. Por exemplo, caso o cônjuge não tenha o work permit aprovado, esse também pode aplicar para a permissão de estudos e fazer um programa de career college. Financeiramente, vale ressaltar que com o valor de um ano de college público é possível que duas pessoas façam um programa de career college. 

A aplicação de Rafael e Danielly tem sido bem como planejado, como ele conta: “Aplicamos em abril e não sabíamos se o visto sairia, já que o college privado não garantia o visto de trabalho para Danielly, mas na maioria dos casos estava saindo. Deu tão certo que o visto saiu em quatro semanas e pudemos nos mudar em poucos meses para Toronto. Chegamos no dia 27 de agosto e em menos de um mês conseguimos emprego. Danielly já trabalha na área dela desde dezembro. Estamos aguardando completar um ano da experiência de trabalho dela e estudando para o IELTS para podermos aplicar para o Express Entry para tentarmos o PR”.

O ideal, diante do cenário de college privado, é que o estudante escolha um programa de 2 anos, pois será 1 ano em sala de aula e 1 ano de co-op. Uma província como British Columbia, que possui processos provinciais de imigração como o BC PNP Entry Level também pode ser uma ótima opção. Além disso, é uma boa chance de já ganhar experiência canadense, melhorar o inglês, trabalhar enquanto estuda e já juntar dinheiro em dólares canadenses caso seja necessário aplicar para um college público. Para entender melhor sobre o college privado, basta clicar nesse link AQUI

Para Rafael e Danielly, essa foi uma das melhores decisões da vida deles. “Estamos muito satisfeitos! O país é muito organizado e apesar dessa pandemia, estamos bem e nos sentimos acolhidos desde que chegamos. O conselho que damos é que se planeje o máximo que puder e não ache que você chegará no paraíso. O Canadá é bom, mas é como todo lugar do mundo tem suas vantagens e também tem seus problemas, mas está anos luz na frente do Brasil em muitos aspectos, principalmente sociais”, conclui.

Quer saber mais sobre as opções de career colleges que podem te ajudar a realizar o sonho de se tornar um residente permanente no Canadá? É só entrar em contato com a Hi Bonjour pelo e-mail: contato@hibonjour.com.br

Se desejar acompanhar as aventuras do casal no Canadá, eles possuem um perfil no instagram Vidadebrazilian, além do podcast, onde reunem entrevistas sobre a experiência canadense. Clique aqui e saiba mais.

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Deixe um comentário

Chat via Whatsapp
Send via WhatsApp